DISCIPLINAS

Finanças Pessoais

Despesas de início de ano

O que fazer?

A  A  A     

05 de janeiro de 2015

*Equipe BRV Investimentos

Mais um ano começa e a história se repete: IPTU, IPVA e material escolar. Qual é a melhor forma de administrar essas despesas?

Se você é do tipo previdente e poupou uma parte do seu 13º salário para as despesas de início de ano, parabéns! Você terá condições de fazer escolhas e aproveitar as melhores oportunidades.

As maiores despesas nessa época são o IPTU e IPVA. É melhor pagar parcelado ou à vista com desconto? Para chegar a uma conclusão, devemos comparar o “custo” das duas decisões.

Abaixo está uma tabela com uma simulação de duas situações diferentes: na situação “A” o morador deixou o valor do IPTU rendendo na poupança (rentabilidade de 0,5% ao mês) e foi pagando as parcelas, mês a mês. Na situação “B”, o IPTU foi pago à vista com desconto de 7% e a economia conseguida foi colocada na poupança. Ao final do período de 9 meses podemos observar a diferença:Após terminar de pagar o IPTU, na situação “A”, sobraram R$ 22,50 na poupança, enquanto na situação “B”, sobraram R$ 73,15. Portanto, se você estava na dúvida entre parcelar ou pagar à vista, não pense duas vezes: pague à vista com desconto! A economia oferecida pelo desconto é maior do que a rentabilidade da maioria dos investimentos que você pode fazer. Esta conclusão também é valida para o pagamento do IPVA, que segue a mesma lógica de cálculo.

Ao comprar o material escolar, pesquise em várias lojas e peça desconto para pagamento à vista.

E se eu não tiver dinheiro em caixa?

Nesse caso, você não terá muitas opções. Pague as despesas parceladas. Quando for comprar o material escolar, não leve seus filhos (você certamente gastará menos). Compre todo o material na mesma loja – você pagará mais caro mas conseguirá melhores condições de parcelamento. Sempre pergunte ao vendedor sobre promoções da loja antes de iniciar as compras. Informe-se se todo o material pedido precisa ser comprado no início do ano ou se existe algum que pode ser postergado. Existe ainda a possibilidade de aproveitar o material da turma do ano anterior – pegue o telefone de outros pais na secretaria do colégio e descubra se eles estão interessados em lhe vender o que estiver em bom estado.

Se você ainda tiver dívidas do ano passado sobre as quais incidem juros, o melhor a fazer é quitá-las o quanto antes. Priorize as dívidas que tem juros maiores (como as do cartão de crédito).

Como se preparar para o ano que vem?

A dica é simples, mas exige disciplina: economizar um pouquinho todos os meses. Quem tem reservas tem mais segurança, não precisa pedir dinheiro emprestado, pode pagar as despesas à vista e exigir descontos, além de aumentar a sua capacidade de negociação – quem compra parcelado, quase sempre paga mais caro.

Faça reservas e livre-se dos juros. A sua família agradece!

* Bruno Lacerda, Rafael Rocha e Victor Ferrari formam a Equipe BRV Investimentos cujo blog  faz parte de um projeto maior para difundir  valores de  educação financeira.



compartilhe em: Twitter Facebook Windows Live del.icio.us Digg StumbleUpon Google

EDUCA

O seu portal de ensino online.

CONTATO

4002-3131

regiões metropolitanas

08002830649

demais regiões