DISCIPLINAS

Você Sabia?

Veja respostas para curiosidades e situações do nosso
cotidiano que envolvem o conhecimento científico.

Como é fabricado o papel?

Desvende este mistério!

A  A  A     

15 de julho de 2010

O papel é feito com as fibras da celulose, um polissacarídeo extraído da madeira. Esta celulose, após extraída da madeira, deve sofrer um branqueamento antes de ser enviada para a máquina de fabricação de papel.  Este branqueamento tem como principal finalidade remover compostos que conferem cor ao papel, dentre os quais o principal é a lignina.

O processo de fabricação do papel segue a seguinte ordem:
- Preparação da massa
- Caixa de entrada
- Formação
- Prensagem
- Secagem
- Enroladeira
- Calandra
- Rebobinadeira
- Cortadeira

Na etapa de preparação da massa ocorre o refino do papel. O refino permite que as fibras se entrelacem. Em todos os processos de fabricação de papel há o refino das fibras, uma vez que esta etapa aumenta a resistência mecânica do papel.

A colagem interna das fibras de celulose é realizada com a finalidade de retardar a penetração de água Desta forma, a cola impermeabiliza as fibras.

Os agentes de colagem servem para controlar a velocidade de penetração de líquidos no papel. Em função disto, papéis nos quais se requer alta absorção, como por exemplo, o papel higiênico e o papel toalha, não recebem colagem interna.

As colagens de papéis podem ser ácidas, neutras e alcalinas.

Colagem ácida – pH superficial de 4,0 a 5,5.

Colagem neutra – pH superficial =7,0

Colagem alcalina – pH superficial de 7,5 a 8,5.

Todos os papéis, exceto papéis para embalagem, levam cargas minerais em sua massa. Os 3 tipos de cargas minerais usadas são: caulin, CaCO3 e TiO2. As cargas minerais proporcionam alvura, lisura, opacidade, brilho, porosidade e absorção de tinta.

Os papéis que recebem colagem ácida, duram menos (40 anos), enquanto papéis alcalinos duram 3 vezes mais (120 anos). Atualmente é muito rara a fabricação de papéis ácidos. Na Europa é lei Federal que todo papel usado para fabricação de livros deve ser confeccionado com colagem alcalina, proporcionando maior durabilidade.

A fabricação de cada tipo de papel depende da finalidade e do processo de impressão ao qual ele irá passar. Os principais processos de impressão utilizados na indústria gráfica em geral são:

Tipografia – É utilizada em livros e convites.

Rotogravura – Processo direto, baixo relevo. Tudo o que vai ser impresso é gravado em um cilindro. Os papéis utilizados sempre devem estar em bobinas.

Off set – É o único processo indireto. O grande desafio atual para os produtores de papel é confeccionar papéis para atender processos em off set. Tal dificuldade ocorre basicamente em função da solução de molhagem e da tinta pastosa empregada neste processo.

 

Você tem mais algum mistério desse tipo?

Esta pergunta foi respondida pela professora Andre Lopes dos Santos, da equipe do serviço Professor Web.

Mande sua pergunta para o Fale Conosco e confira aqui e no Twitter se ela foi selecionada. As respostas são divulgadas todas as quintas-feiras.



compartilhe em: Twitter Facebook Windows Live del.icio.us Digg StumbleUpon Google

EDUCA

O seu portal de ensino online.

CONTATO

4002-3131

regiões metropolitanas

08002830649

demais regiões